Prato Cheio

O prato do preso

O prato do preso

Comida estragada, insossa e insuficiente. As reclamações sobre as refeições oferecidas aos mais de 750 mil brasileiros presos é comum para quem convive com eles. Sejam familiares, membros da Defensoria Pública ou de órgãos independentes que fiscalizam as unidades prisionais. Neste episódio do Prato Cheio, falamos com todos esses grupos para entender que impacto a comida servida nas cadeias tem para a saúde dos presos, para as famílias e também para quem está do lado de cá dos muros, completamente alheio a esse universo.

A moça da lata

A moça da lata

A Nestlé reescreveu os doces brasileiros. Quando o Leite Moça já não podia ser oferecido aos bebês, a corporação suíça se adaptou rapidamente. Beijinho, pudim de leite, papo de anjo: todas as receitas tradicionais foram adaptadas para fazer do Brasil um alvo preferencial dos produtos da empresa, que soube se posicionar como amiga e educadora de toda uma geração de donas de casa. Esse episódio entrevista a pessoa responsável por essa operação e traz um final surpreendente.

Coca-Cola abandona o filho ILSI à própria sorte

Coca-Cola abandona o filho ILSI à própria sorte

Corporação anuncia saída de organização criada por ela em 1978 e envolvida em acusações de manipulação de evidências científicas em prol dos financiadores A Coca-Cola decidiu abandonar uma de suas mais férteis criações. Calma, meu amigo, nenhum refrigerante está saindo de linha. Tudo como antes. O que muda é a participação numa das maiores organizações […]